O grupo surgiu a partir da vontade dos alunos de expandir os assuntos debatidos em sala de aula para fora da Instituição

Em sala de aula, recebemos muitas informações, por isso é mais do que vital a revisão do conteúdo para que possamos de fato aprender. É durante esse momento que algumas dúvidas surgem e percebemos as lacunas que ficaram no nosso processo de aprendizagem. Porém, estudar sozinho pode ser uma tarefa complicada. Uma ótima estratégia para afiar ainda mais a matéria estudada é se juntar com os amigos para compartilhar as interpretações e algumas dicas. Foi pensando nisso, e a partir do pedido de alguns alunos, que a professora de Psicologia, Débora Barbosa de Deus, criou o projeto Psicologia e Interfaces.

O projeto funciona como um grupo de estudos que se reuniu semanalmente no segundo semestre de 2020, por meio do Google Meet, para debater as técnicas de Análise do Comportamento para psicologia e possíveis interfaces de trabalho. O método utilizado foi o de discussão entre os integrantes do grupo, a partir de referências selecionadas pela professora Débora que guiou os alunos e sanou algumas dúvidas.

“A ideia do projeto foi fazer um grupo de estudos em que pudéssemos avançar em compreensão de assuntos da psicologia (com viés um pouco mais acentuado para área clínica) pela Análise do Comportamento (abordagem teórica). E sim os alunos estão envolvidos, aliás, foi por causa deles que surgiu o projeto. Até aqui, escolhemos temas, fizemos leituras de textos e discussões que unissem teoria e prática. Encerramos com planejamento de continuar em 2021, inclusive, produzindo textos para publicação e outras ideias que são segredo”, comenta, em meio a um sorriso, a professora orientadora do projeto, Débora Barbosa de Deus.

Um detalhe do projeto foi que os alunos começaram pesquisas, visando a produção de artigos científicos no ano que vem. Quem tiver interesse em também escrever algo sobre seu assunto favorito é só ficar de olho nas redes da Instituição em @unifcv, pois em 2021 o PIIC estará com novas vagas abertas, esperando vocês para produzirem artigos fantásticos! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *